domingo, 23 de agosto de 2009

Impossível do Amor?

...ouve-se dizer que amor impossível é aquele em
que pelo menos um dos parceiros, ou os dois
são comprometidos com outra pessoa
criando-se então o chamado
triângulo amoroso.

eu não concordo com isso.
impossível é o amor que já não consegue
existir numa relação por muito que ela
se mantenha como fachada.

os parceiros de um amor vivem um amor
possível, independentemente de terem
uma outra relação oficial onde aí sim
o amor já fazia impossível.

os amantes numa relação dita extra-conjugal
vivem amores possíveis porque o amor
existe ao contrário das suas
relações estagnadas.
quantos amores impossíveis existem onde
nada se questiona por ser oficial, quando
sabemos que o amor é bem possível
onde menos se admite que possa
existir, só porque não é oficial?

...o amor pode ter barreiras?

pensem...

19 comentários:

Memória de Elefante disse...

O Amor só é impossível quando nos aprisionamos numa relação decadente por medo de arriscar e estagnação.Nos afastando de toda a possibilidade de Amar.Somos nós, nossas próprias barreiras.
Bom final de domingo!!!

Daniel Savio disse...

Concordo contigo Vivian, pois se não há amor no oficial, no "não oficial" pode ter amor...

Mas acho maldade com o companheiro
ficar nesta ilusão...

Fique com Deus, menina Viviam.
Um abraço.

Daniel Savio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
direitinho disse...

olá, aqui há rato....!
Há muitas formas de amor. Uns possíveis e outros impossíveis depende das situações em que o mesmo se enquadrar, mas amor-AMOR- só há um. Porque o amor não se vende, não se troca nem se empresta. O amor vive-se em plenitude com doação plena à familia e às obrigações próprias desse amor.
Andam por aí muitos que são como as borboletas,de manhã amam uns e à tarde outros/as.
As pessoas tambem se podem cansar do amor inícial, mas se o alimentarem correctamente isso não acontecerá. É preciso manter um namoro constante e permanente e nunca levar para casa azedumes.
Casámos já fez 25 anos mas todos os dias namoramos. Tantas coisas bonitas que nunca dissemos ainda.
Hoje os amores são todos facilitados e nada é impossivel.
Começaram o namoro e já moram juntos em casa dos pais dele ou dela e está tudo numa boa....
Zangaram-se e partem para outra e sempre tudo na maior.
Amor impossivel hoje é ter trabalho e querer trabalhar porque o importante é «curtir»..........

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Para mim, Vivi, o amor não tem barreiras. Mas quando se ama uma pessoa comprometida, casada ou coisa que o valha, esse "amor impossível", que há entre os dois comprometidos, cria, por si só, barreiras. Porque os parceiros, ou um dos parceiros, têm medo de ficar só, posto que com o tempo se cria uma dependência, laços, mesmo que um ame mais do que o outro. O que ama mais sempre dará mais, fazendo o que ama menos sentir-se culpado e ele realmente se sente, e não tem coragem de romper para viver o que poderia ser o grande amor da sua vida.
Beijos, querida,

~~jorge disse...

Vivian,
Olá. O amor não pode ter barreiras, por definição. O amor é desafio, o amor coloca os indivíduos envolvidos, simultaneamente, em sintonia com o mundo [quem ama, sente amor pela vida, por todos o seres] e em oposição ao mundo [o amor é ilógico, perturbador da vida 'corrente', rebelde]...

Por isso - e sinto que vc, Vivi, discordará de mim - o amor é difícil.

Beijo

--jorge

ematejoca disse...

Concordo, que em relações estagnadas o amor morreu, mas fica a amizade!!!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Este amor oficial é a decadência do próprio amor.Amor de verdade não precisa de que nada o oficie para que se realize e seja possível.

Amor está acima de regras,de poderes,de papéis.Quando se usa esses argumentos o amor já partiu há muito...tudo isso o assusta...

Texto perfeito,sábia Vivian!!

Um beijo carinhoso!Sonia Regina.

paula barros disse...

Querida, hoje vou usar a frase da Memória do Elefante.

"Somos nós, nossas próprias barreiras."

O amor, ou qualquer outra coisa, tem as barreiras que colocamos, por medos nossos, por nossas fragilidades.

beijo

Mai disse...

Hoje, amiga você me fez chover.
Outro dia eu falava algo assim, sobre os amores, as escolhas, as imposições e os assaltos quando o amor acontece.

E, em qualquer instância o amor não se detém, não se retém e tudo é simples assim porque é amor.

Nem sei o que escrever porque
caiu-me um cisco no olho.

Beijos, alma linda.
Boa semana.

Mimirabolante disse...

Acho que nós msm promovemos ou impedimos o amor....encontro-me amando sempre.....ah!como é bom o amor!ao próximo....aos filhos....aos amigos....aos nossos ideais....a natureza......ao Planeta.....às conquistas.....às vitórias.....às perguntas.....às respostas.....são tts !!!!!!!!!Senti uma certa diferença por aqui......linda por sinal !!!!mil bjcas minha amada amiga......

FOTOS-SUSY disse...

OLA VIVI,BELA POSTAGEM, O AMOR NAO TEM BARREIRAS, TEM DE SER LIVRE SEM MEDO...
BOA SEMANA.

ABRACO DE AMIZADE!!!


SUSY

Elcio Tuiribepi disse...

Vivian, mas que postagem mais polêmica...rsrs
Acho tudo isso muito complicado, mas lendo os comentários, confesso, fiquei ainda mais abilolado...rsrs
Acho que todos tem um pouco de razão e um tanto de emoção, será que aí já não entra a tal paixão, sei não, só sei que uma coisa é certa, melhor nem dar minha verdadeira opinião...rsrs
Já que amor não se explica, fica a minha indecisão...rsrs
Um abraço na alma e um outro no coração...para pode rimar...boa semana

Tiago Soarez disse...

Vivian,

Adorei o texto... Mas não consigo fazer nenhum comentário. Concordei com tudo o que você disse e também acho que o impossível é manter uma relação que já não existe.

Beijo enorme.

Andre Martin disse...



As barreiras estão em nossas mentes,
que também fazem muitas borreiras! rsrs

O possível, nós fazermos!
O impossível, nós tentamos!

~~jorge disse...

...o que eu queria dizer quando falei do amor "se opondo à vida" é que, justamente por não ter barreiras, ele não surge sempre nas condições em que alguém o pode receber condignamente... a vida não se ajeita por encanto para receber o amor que surge...
Claro, se partíssemos do princípio que há uma lei da alma que faz com que alguém ame apenas uma pessoa em cada momento, tudo ficaria mais simples: ver qual dos amores é "verdadeiro", o outro será "falso", "convencional"... Mas nem todos estamos abrangidos por uma lei assim...

Beijos, Vivi
--j

Andradarte disse...

Tanto pode ....que tem.
Talvez daqui a dez anos ou mais ,
já não existam.
O preconceito......
Beijo

Tatiana disse...

Poxa Vivian... suas palavras são para um profunda reflexão mesmo.
E esse assunto merece a nossa atenção!
Desejo uma ótima semana para você!
Um beijo carinhoso

Giane disse...

Querida Vivi;

Não, o Amor não tem barreiras.
Ele derruba crenças, costumes, aparências, idades, tradições...
Como a Água, elemento de frágil aparência, mas de infinita força, assim é o Amor. Pode parecer fraço, mas na Verdade é o mais forte de todos os sentimentos.

Com o devido senso e paciência, ele sempre sairá ganhando no final.

Beijos mil, Ser de perguntas sempre desafiadoras e Belas Palavras!!!