terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Enojada...


...existem momentos na vida da gente, em que as palavras 
perdem o sentido ou parecem inúteis, e, por mais que 
a gente pense numa forma de empregá-las, elas 
parecem não servir...então a gente não diz...
apenas sente!

Sigmund Freud

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Amor e posse...

“Toda relação humana necessita de cuidados,
porque sempre transita nos limites tênues
entre amor e posse.

Do amor à posse o caminho é curto.

Basta que percamos o foco de nossa identidade para
que corramos o risco de alguém administrar nossa
vida, roubando-nos de nós mesmos.”

Pe. Fábio de Melo em Quem me roubou de mim?

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Nenhum de nós...

Ninguém neste recinto, incluindo o seu
pastor, acredita na fé cristã.

Nenhum de nós daria a outra face.

Nenhum de nós venderia tudo que
tem e daria aos pobres.

Nenhum de nós daria o casaco a um sujeito
que tivesse tirado nosso sobretudo.

Cada um de nós acumula todo
o tesouro que consegue.

Não praticamos a religião cristã e não temos
qualquer intenção de praticá-la.

Logo, não acreditamos nela.

Eu portanto me desligo, e aconselho vocês a
pararem de mentir e se dispersarem.

Sinclair Lewis, em Elmer Gantry (1927)

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Das Ternuras...

Quem é tão forte que não
pode ser seduzido?

William Shakespeare

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Das paixões...

A rosa apaixonou-se pelo cacto;
comprendia seus espinhos.


domingo, 16 de dezembro de 2012

Rumi_nando palavras!

"Ele chegou...

Chegou aquele que nunca partiu.

Esta água nunca faltou a este riacho.

Ele é a substância do almíscar
e nós o seu perfume.

Alguma vez se viu o almíscar
separado de seu cheiro?"

Rumi

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Das suscetibilidades...

"Existem pessoas que se sentem ofendidas,
magoadas por qualquer coisa.

 À mais leve contrariedade,
se sentem humilhadas.

Ora, nós não viemos a este mundo
para nos banhar em águas
de rosas.

Somos espíritos altamente
endividados.

Dentro de nós o passado
ainda fala mais alto.

Não podemos ser tão
suscetíveis assim."

Chico Xavier

domingo, 2 de dezembro de 2012

Definições...

O que é vida?

É a luz de um vaga-lume
na noite.

É o sopro de um búfalo
no inverno.

É a pequena sombra que corre
pela grama e se perde com
o por-de-sol.

Blackfoot

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Flor ou Espinho?


Quando eu estiver irritado, eu
vou tentar ser orquídea.

Quando eu tiver problemas com a
família, eu vou tentar ser rosa.

Se no meu trabalho houver discórdia,
eu...quero aprender a ser jasmim.

Se alguém me magoar e meu melindre
quiser aflorar, eu vou brotar girassol.

Quando uma pessoa me trair, é por não
conhecer Papai do Céu, eu deixarei
meu coração ser bougainville.

Quando eu não tiver prudência, e a doença
aproveitar o meu descuido, que eu deixe
surgir a flor de maracujá.

Se o vício me persegue e eu não
consigo enxergar meu erro,
que eu me transforme em
lírios e azaléas.

Se eu sei que as coisas da terra são instrumentos
de aprendizagem e nada me pertence, se tudo
é passageiro por aqui, que eu acorde mais
rápido e seja orquídea, rosa, onze horas,
violetas.

Afinal o Pai que nos criou, deixou a
gente escolher ser flores ou
ser espinhos.

Nando Cordel

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Emmanuel e a Paz!

Paz é o que precisam aqueles
que perturbam o mundo.

Ajude-os, pois para eles é difícil
achar o caminho.

Falta-lhes a luz que tens contigo!

Emmanuel

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Sensibilidade...

Há dias serenos, dias
pequenos sutis
enfim...

Dia sim/dia não,
dia sem pão
nem ilusão...

Há dias de dores de amores,
dias amargos de engasgos,
e há gritos agitos na fala
da alma, uma calma
que não se vê...

Há dias felizes, há flores
e matizes nos olhos
do colibri...

Há dias de primavera em tardes
multicor, carrosséis de emoções
celebrando o amor...

Há dias, enfim!!!

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Namastê!

Se não sabes, aprende.

Se sabes, ensina.

Confúcio

...um por-de-sol visto da minha janela!

sempre que o sol se põe elevo meus
pensamentos ao céus do universo,
traçando com ele desejos sinceros
para que o planeta só seja
reduto de paz...

namastê!!!

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Era uma vez...


 Alguns ratos, que viviam apavorados, alvoroçados com
a frequente presença de um gato, resolveram
fazer uma reunião para encontrar um jeito
de acabar com aquele eterno transtorno.

Muitos planos foram discutidos e abandonados.

No fim um rato jovem levantou-se e deu a idéia
de pendurar uma sineta no pescoço do gato;
assim, sempre que o gato chegasse perto
eles ouviriam a sineta e poderiam
fugir correndo.

Todo mundo bateu palmas: o problema estava resolvido.

Vendo aquilo, um rato velho que tinha ficado
o tempo todo calado levantou-se de
seu canto e deu seu parecer:

- O plano de vocês é muito inteligente,
muito audacioso e com toda certeza
as preocupações quase chegaram
ao fim.

Só falta um pequenino detalhe:

Quem vai pendurar a sineta no pescoço do gato?



domingo, 18 de novembro de 2012

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Raízes...

Troque suas folhas mas
não PERCA as suas
raízes.

Mude de opinião, JAMAIS
os seus princípios.




terça-feira, 13 de novembro de 2012

Só os poetas...

"Não é que o mundo seja
só ruim e triste.

É que as pequenas notícias não
saem nos grandes jornais.

Quando uma pena flutua no ar por
oito segundos ou a menina abraça
o seu grande amigo, nenhum
jornalista escreve a respeito.

Só os poetas o fazem."

Rita Apoena

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Lucidez...

Só há uma diferença entre
um louco e eu.

O louco pensa que é sadio.

Eu sei que sou louco.

Salvador Dali

domingo, 11 de novembro de 2012

Vamos de Clarice?

E Deus é uma criação monstruosa.

Eu tenho medo de Deus porque ele é
total demais para o meu tamanho.

E também tenho uma espécie
de pudor em relação a Ele:

Há coisas minhas que nem ele sabe.

Medo?

Conheço um ela que se apavora com
borboletas como se estas fossem
sobrenaturais.

E a parte divina das borboletas
é mesmo de dar terror.

E conheço um ele que se arrepia todo de
horror diante de flores – acha que as
flores são assombradamente
delicadas como um suspiro
de ninguém no escuro.

Clarice Lispector In Água Viva

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Destralhe-se...

Um objeto, mesmo que não tenha sido adquirido
por meio de roubo, deve ser no entanto
considerado furtado se o possuímos
sem dele precisarmos.

Mahatma Gandhi

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Das profundezas ao céu...

Qualquer árvore que queira
tocar os céus, tem que ter
raízes profundas a ponto
de tocar o inferno.

Carl Gustav Jung

domingo, 4 de novembro de 2012

Chorar sim...

"Nunca devemos envergonharmo-nos
das nossas próprias lágrimas, pois
elas são como a chuva que lava
a poeira dos corações
ressecados."

Charles Dickens






sexta-feira, 2 de novembro de 2012

De coração para coração....

O Prêmio Dardos foi criado pelo escritor espanhol Alberto Zambade e visa reconhecer os valores culturais, éticos,
literários, pessoais, etc, com indicações dos
próprios apreciadores do trabalho.

...meus amigos, recebí este prêmio ao qual me sentí felissíssima
por ter vindo da pessoa linda o nosso querido poeta Daniel, http://dagarpower.blogspot.com.br/, e como rebelde
que sou, decidí não seguir as regras do prêmio
que seria indicar10 (dez) blogs amigos, coisa
que para mim seria impossível diante desta
imensa lista de páginas apaixonantes
que encantam-me cada qual
com sua maneira de ser.

portanto,
deixo aberto para que TODOS que se sentirem
à vontade, levem o prêmio como se dele
fossem donos, porque merecedores
o são com certeza!

obrigada, Daniel!!!

perdoe esta amiga que adora andar na
contra-mão das ordens!! rsrs

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Das Adversidades....

A adversidade desperta em nós capacidades
que, em circunstâncias favoráveis,
teriam ficado adormecidas.

Horácio

domingo, 28 de outubro de 2012

UNOS...

Certa vez Chuang Chou sonhou ser uma borboleta,
uma borboleta que esvoaçava e adejava feliz
consigo mesma, vivendo a seu bel prazer.

Ela não sabia que era Chuang Chou.

Subitamente acordou e lá estava ele,
concreto e inconfundível Chuang
Chou.

Mas ele não sabia se ele era Chuang Chou que
sonhara ser uma borboleta ou se era uma
borboleta sonhando ser Chuang Chou.

...isso se dá quando por exemplo olhamos para a
natureza sem rotulá-la, quando contemplamos
um por-de-sol ou uma alvorada, e fazemos
isso com os olhos dos sentidos de tal
forma que naquele momento de
êxtase nos tornamos o
por-de-sol ou seu
nascimento.

a isso chamamos estado do não ser, para ser
então UNO com o cosmos em
constante PAZ!