terça-feira, 23 de novembro de 2010

Doar-se...ou doar?

A verdadeira generosidade
consiste em doar o que
se é, e não o que
se tem!

...pense!

22 comentários:

piedadevieira disse...

Generosidade é muito mais que dar alguma coisa, penso eu, é dar aquilo de que mais precisamos. Aí é que está.
Beijinhos generosos para ti.

Vivian disse...

...todos sabemos existir uma
enorme diferença entre o ter
e o ser.

tudo que possuímos de bens
materias não nos pertencem
de fato, e sim existem
somente para nos facilitar
a caminhada por aqui,
e mesmo em meio ao
'conforto' a luta
é árdua.

o que nos faz verdadeiramente
'ricos' é a nossa essência,
nosso espírito, nossa alma
que busca saber quem é,
e porque está aqui?

abrir mão, dividir o que
se tem para amenizar,
facilitar a vida de um
'irmão', é sem dúvida
um ato nobre.

mas abrir mão do conhecimento,
levando a ele, mostrando a ele
sua centelha divina, e assim
encorajando-o a enfrentar os
desafios, os obstáculos da
caminhada, este é sim o mais
nobre ato de generosidade
em comum!

logo,
repartir o que se é, o que
se aprende, é fortalecer
uma comunhão de vitoriosos
fazendo desta seara o
eterno caminho
do bem.

Andradarte disse...

Posso escolher as duas....??

Li com atenção, as diferenças....
Sempre sábia.....
Beijo

Rolando disse...

oi moça. estive aqui. gostei. apareça or lá. bjus.

José Gonçalves disse...

Olá Vivian,

Se há locais por onde gosto de passar os meus olhos, descansar os sentidos e alimentar o meu espírito, este é um dos eleitos.

Aprende-se aqui, sempre, algo muito tocante, profundo.

E é bem verdade, quando comentas, que nada neste Mundo nos pertence, já cá estava antes de nós cá chegarmos!

Tudo nos é emprestado por Alguém que sabe o que faz, e como o faz.

Dar o que se tem, é a forma mais fácil de nos escondermos atrás de um gesto, negando ver as reais carências daquele que pede.

Amanhã, ele estará pedindo novamente, ou talvez não!

E nós? Que teremos feito na sua ausência?

Brilhante forma que questionar se os Princípios que praticamos serão os mais correctos!

Como sempre, dá gosto passar por aqui e deixar-se ser levado a pensar, vaguear por aí, num sem fim de reflexões e questões!

Um abraço Amiga Vivian, e até sempre,

José Gonçalves

Chica disse...

Que profunda verdade!E nem sempre fazemos assim!beijos,chica

Érica disse...

Vivian, delícia...

concordo com o pensamento, doar às vezes pareceum pouco impessoal, doar-se é mais real e humano.
Doar-se através do coração, dos gestos das palavras...

uma bjãO especial!

Antonio Carlos disse...

Doar verdade, compaixão, os bens materiais não são capaes de preencher o eco da alma, apenas uma necessidade temporária.
Abraços

Valquíria Oliveira Calado disse...

Perfeito, mas lembre só damos o que temos. beijinhos.

Luís Coelho disse...

Muitos dias e em muitas situações é preciso dar também um pouco do que temos sabendo partilhar

Pelos caminhos da vida. disse...

Ajudar o próximo se doando...

Saudades daqui amiga e de vc tb.

beijooo.

Graça Pires disse...

A generosidade, tantas vezes rara, é dar o que se tem, o que pode fazer falta, o que se é e o que se não é... Tudo...
Um beijo.

Paula Barros disse...

É mais fácil doar, não é mesmo? E mesmo assim ainda temos dificuldades.

Hoje nesse mundinho de competição, de corre corre, cada vez nos doamos menos. Estamos vivendo para dentro de nós, das nossas necessidade, com a interação comprometida, a escuta comprometida pelos muitos pensamentos.

Sei e sinto o quanto esta difícil.

É sempre bom essa parada para ler e refletir.

beijo, bom dia!

www.cha-com-biscuit.blogspot.com disse...

Acredito realmente nisso. Estou acabando de ler um livro de Zibia Gasparetto, Quando chega a hora, que tem um personagem infantil, de família humilde, muito pobre mesmo, que se doa o tempo todo para as pessoas, me apaixonei por este personagem, é muito lindo.
abraços.

Bloom disse...

Doar a alma, se comprometer verdadeiramente com algo é que é realmente difícil.
Dar o que você tem de melhor para fazer alguém melhor.
O que temos de melhor é nós mesmo, é nossa força, é a nossa vontade, é o nosso amor.


4 linhas que dão boas conversas...
Parabéns pelo blog...
Voltarei mais vezes por aqui.

http://voandoporai.wordpress.com

(não uso a conta do google)

diariodumapsi disse...

Ei amada Vivian!
É difícil dar aquilo que não temos, só consegue dar generosidade aquele que é generoso.
Gd beijo

Franck disse...

A que será que se destina?
Bjs*

Cristiane disse...

Os bens não mostram quem somos. E sim, o que somos!

BRANCAMAR disse...

Oh, se é, nem dá para pensar, dar o que se é e aprender isso desde pequeno é o que de mais gratificante e feliz pode existir na vida, é um campo onde todos os sacrifícios são apenas uma benção de entusiasmo e fé, um caminho de amor imenso.

Beijos querida Vivian, que nos traz reflexões tão lindas!

Branca

Lila disse...

Triste é entender que, a grande maioria das pessoas, não se doam nem à elas mesmas.
Bjs meus !

Daniel Savio disse...

Mas então que doemos felicidade, não apenas um coração vazio...

Fique com Deus, menina Vivian.
Um abraço.

Sylvia Rosa disse...

Se doando `as vzs a gente se ferra, mas ainda assim prefiro ser eu sempre.
Bjão Vi