quarta-feira, 28 de julho de 2010

O Agir dos Sábios...

A sabedoria reside no vácuo, no
intervalo entre a palavra
e o pensamento.

Isso nos mostra que:

Quanto mais silentes ficamos
mais sábios nos tornamos.

...por quê eu digo isso?

digo porque aprendí que quando estamos
falando...falando...falando, na verdade
estamos despendendo energias para o vazio,
para o nada, posto que ninguém ouve ninguém,
ou só ouvimos o que queremos ouvir, pois quase
sempre não é bom para o nosso EGO
o que nos dizem.

ações sim...atos praticados,
estes nos colocam em evidências
tanto para cima, como também
para baixo.

...pensem

18 comentários:

Liza Leal disse...

Vivian querida...
Mergulhando em teu rio límpido e calmo, percebo como isso cai bem ao meu fiel e amado silêncio.

Dádiva em letras!...

bjo > da LizA

euemmim disse...

Oi..pessoa generosa...e LINDA!

Eu concordo demais com o texto!!!

Achei perfeito...tomara que cada um que leia...pense bastante a respeito...

Quero lhe agradecer pelo comentário no meu blog e tb lhe dizer o qt vc é generosa.

bjos!!!

Zil

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Mais que palavras, o Gesto*
No entanto, há a Palavra, palavrinhas e palavrões.
Palavra e Gesto movem e comovem. Neste ponto se equivalem. Sempre penso em tudo por Amor.
Penso em Gandhi* O Amor é o que move a História/ constrói a História. (Ainda que a realidade se mostre adversa).
Palavrinhas são coisinhas entre dois.
Palavrões são aqueles que não têm nada a dizer, são vãs, poeira no vento.
Belo Vívi!. Muito bem elaborado.
*Se não há nada a dizer, melhor calar*.
Beijos e Bons Dias!
Renata

Franck disse...

E eu adoro o silêncio da minha casa a noite, numa tarde, de uma praia qdo está vazia... isso nós energiza! Vamos ter tempos de silêncio e solidão, por opção! Bj*

Multiolhares disse...

E ao enviarmos palavras ao vento dependendo se são negativas ou positivas vamos poluindo o ambiente
com essas cargas energéticas
Bj

Steven Hans Fenólio disse...

adorei o blog
estou seguindo-a

Daniel Savio disse...

Eu não diria o vácuo, pois a sabedoria pode ser um som harmonioso dentro de nós...

Fique com Deus, menina Vivian.
Um abraço.

Antonio disse...

Lindas palavras Vivian, bela a orquídea, e assim é tentar ser sábio, é saber também ser silencioso, emitir menos ecos.
Beijos querida!
Ate mais

Matheus W. disse...

Tem uma frase que muito gosto e que casa perfeitamente com sua reflexão: "Nunca aprendi nada enquanto estava falando".

Sylvia Rosa disse...

Amiga, essa aí arrebentou heim! Falou tudo sabiamente, e eu aprendo, e aprendo, e reflito , e abuso dos seus posts.
Bj querida e linda noite pra ti.

Rosan disse...

olá.
Vivian querida ...
não imaginas como o falar ao vazio, se aplica aos meus filhos, quantas milhares de palavras eu falo a eles e els nem me ligam, se fazem de surdos...e no dia a dia de nossas vidas não é muito diferente.

beijos de luz

Juliana Lira disse...

Ow Viv

Adoro quando vc vai lá me ver.Fiquei com os olhinhos cheios de lágrimas ao ler teu comentário.rsrsrs

É que vc tem cheiro de colo de mãe, é tão bom!!! Tem um jeitinho tão doce de nos fazer enxergar as verdades da vida, tem uma alma tão linda.

E esse jeito de quem sabe que está por aqui só de passagem e que conhece os segredos do desconhecido.

Obrigada pelo carinho de sempre minha linda, pessoas como vc, assim: delicadas e tão doces que nos fazem flutuar, é que fazem tudo ter um novo sentido.

Milhões de beijos

Juliana Lira disse...

Lógico que voltei pra comentar o post rsrsrs

É verdade isso, o silêncio transmite por vezes mais que mil palavras.

E às vezes não é que não ouvimos mesmo nada? Tento ouvir, porque penso que quem está de fora, talvez tenha uma visão melhor de mim aqui dentro (mas tem vezes que não tem não rs)

Bem, o caso é que ainda estou longe da sabedoria sonhada... Mas sei que tô no caminho rsrsrs

Milhões de beijos

Andradarte disse...

Li, meditei, pensei e mais não digo...
Beijo

HSLO disse...

Tenho feito isso nos últimos dias...estou gostando.

abraços

Hugo

Hod disse...

Querida Vivian,
Sabedoria que reúnem chaves importantes.
Amiga, de modo algum vc chegou atrasada, estamos já a dançar e brindando e sempre quando chega um novo(a) amiga, é mais um motivo para todos levantarmos nossas tacinhas e brindar. Obrigado por sua presença e por todo seu carinho.
Beijos pra vc.

Daniel Costa disse...

Vivian

Por experiência própria, partilho perfeitamente o que diz o teu poema. Aprende-se mais a ouvir certos dicursos (curtos). Por lado podemos falar de obra feita, sem enfatizar muito.

Beijos

Tatiana disse...

Olá Linda Vivian...
sabe estou aprendendo a silenciar...Sempre falei demais e agora sinto o quanto o silêncio me faz bem!

Bela reflexão que nos trouxe!

Um beijo com imenso carinho