quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Verdades De Cada Um

"A verdade de outra pessoa não está no que
ela te revela, mas naquilo que
não pode revelar-te.
Portanto, se quiseres compreendê-la,
não escute o que ela diz, mas antes,
o que ela não diz".
(Kahlil Gibran)
...poucos aqui sabem de um drama que acometeu minha família em setembro de 2007, quando um AVC fez como refém meu marido, paralizando todo seu lado esquerdo de maneira invasiva e cruel, atingindo uma pessoa até então cheia de vida planos e sonhos por realizar.
em apenas oito horas entre um dormir e despertar um 'tsunami' invadiu sua vida sem pedir licença, e meu marido, um homem dinâmico, cheio de vida, mente tranquila e espírito alegre, tornou-se incapaz triste e depressivo, tombando por terra todos os ideais e sonhos, molas propulsoras para um viver tranquilo.
por que estou contando isso a vocês?
é simples...
quero apenas ilustrar que não somos nada neste mundo, e que orgulho e vaidade são descartados nas mãos do Pai que detém sim o poder de nossas vidas, fazendo com ela o que bem entender, doendo ou não.
o que nos resta então, é exercitarmos o poder de entendimento e com ele agradecer a dádiva de estarmos aqui passando pelo esmeril das dificuldades impostas, na certeza de que não caminhamos sós, e sim sustentados pela força maior do EU superior que habita em cada um de nós, e, vivendo é claro,
o tão mágico Carpe Diem, ou seja, um dia de cada vez, sem planos mirabolantes e a arrogância de que 'eu sou isso', ou 'sou aquilo'.

somos nada diante desta passagem chamada vida!!!


a partir deste incidente, minha vida também
ficou limitada por razões óbvias.
portanto, tenham paciência comigo.

de pouco em pouco, eu arrumarei tempo para bisbilhotar
em suas 'casas' retribuindo todo amor e carinho
que recebo de todos vocês, e aos quais
sou e serei eternamente agradecida,
na certeza de que sem o carinho
dos amigos, o In Foco não teria
razão de existir.

Namastê!

43 comentários:

Layne disse...

Oi Vivi!!! Como o prometido: 'óia eu aqui traveiz!'!!! rsrsrs... Adoro Gibran, e adoro tb este quadro! Minha amiga, eu entendo perfeitamente vc, e sei o qto é difícil passar por momentos assim; da mesma forma, tb sei o qto vc é iluminada, sábia e forte, e sabe retirar desses momentos riquezas inimagináveis! Vir ao seu blog é um bálsamo para a alma, pois nele encontro sabedoria, paz, muito positivismo e boas energias! Um excelente fim de semana pra vc! E... divulgue o meu blog, ok? Sabe como é: estou chegando agora... não conheço ninguém... Posso contar com o seu 'empurrãozinho'? Não me esqueço que, qdo entrei para o mundo virtual, há uns anos atrás, vc foi a minha primeira visitante!!! Portanto, minha madrinha por aqui! rsrsrs... Então, conto com vc novamente! Beijos Dindinha!!! rsrsrs... Fique com Deus, minha amiga do coração!

Paula Menna Barreto Hall disse...

É bom vir aqui e ver vida, ler vida, sentir o pulsar da realidade de todos nós. Sinto-me honrada por partilhar dela com você. Sinta-se amada e receba mesmo esse carinho imenso transbordando de cada um de nós pra você, no universo, que silenciosamente nos fala muito. zilhares de beijocas eternas e planetárias pro cê!!

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

O que não se diz... As entrelinhas, o que fica por dizer, os silêncios. Tão importantes e são tão pouco ouvidos! Os que prestam atenção, ouvem melhor e mais, além do que é dito.

Sobre sua história Vivi, uma história de superação. Viver com a adversidade, com o que não era previsto, com uma mudança repentina e definitiva... Apenas os fortes conseguem.

Beijos e borboleteios, guerreira e vencedora!

FERNANDA & POEMAS disse...

Querida Vivian, belíssimas palavras num texto maravilhoso, Amiga...Beijinhos de carinho,
Fernandinha

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Texto lindo, cheio de belas metáforas.
Você é uma daquelas pessoas escantadoras, cheia de luz e amor.
vir aqui é e sempre será um grande prazer. beijos

FRAN "O Samurai" disse...

Oi querida Vivian!

Realmente...

Acho que ninguém conhece ninguém, mesmo até depois de anos de convivência... Todos nós temos coisas escondidas no fundo de nosso coração.

A única pessoa que nos conhece plenamente somos nós mesmos.

Sua história e a de seu marido mexeu muito comigo. As vezes eu acredito que a vida nos dá e tira sem a menor piedade. Ela brinca conosco as vezes sem razão... Porquê?

Mesmo tudo isso que tenha acontecimento com vocês, mesmo toda a tristeza que isso acarreta, devemos sempre levantar a cabeça e tentar enxergar o horizonte. E agradecer por seu marido estar vivo ao seu lado, mesmo em tais circunstâncias.

Todo o carinho das pessoas que visitam seu Blog com certeza encherá seu coração todos os dias!

O importante é ser feliz e seguir em frente...

Beijos linda Vivian, você é uma pessoa maravilhosa e iluminada. Deus tem orgulho de tê-la criado.

Você é divina.

De seu pupilo FRAN.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Vivi:
Estou estarrecida! Que mulher forte é você! Não se se já era forte antes do que nos contou ou que teve que se tornar, mas o importante é que sabe levar a vida, enfrentar as agruras, acho que você é uma pessoa preparada para o que der e vier. Enfim, você é meu ídolo!
Um beijo,
Renata

HSLO disse...

Você é um show de mulher...viu.

Abraços

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Vivi,você é maravilhosa.Teria todos os motivos para estar a pensar só no seus problemas e nos presenteia com essa sabedoria,bondade,otimismo tudo contido em seu blog.

Nós é que lhe agradecemos a presença diária e amiga,Deus a abençoe e ilumine,sempre.

Força e luz,beijos,Sonia Regina.

Lavrador disse...

Você é uma heroína e Deus sabe disso!!
Bem-haja pelo seu testemunho

Nela disse...

Querida Vivi, tinha que vir espreitar amiga, e tem razão temos que viver um dia de cada vez, estamos apenas de passagem nada somos, sabe á uma senhora já de muita idade e ela me adora, e costuma me dizer, querida Deus nos dá uma cruz por vezes pessada, para ver se podemos com ela, e se somos merecedores de tudo o que possa vir,amiga meu pai teve um avc, primeiro facial, que rápido passou, depois foi pior foi avc, mas que o pôs em coma durante dois mêses,em primeiro me reconhecia, e apertava a mão, depois deixou de o fazer, e eu todos os dias só 2 dias em dois mêses não fui lá, eu ia ao hospotal, médico já tinha dito, pões ele tinha soro oxig
énio, tudo o que se possa imaginar, que se ele continuasse teria que ir para casa, eu tinha mais dois irmãos, um mais velho que faleceu á dois anos com 54 anos só, e um mais novo, visto ser a do meio, e meus irmãos depois de eu falar com eles e visto desde que minha mãe faleceu, meu pai que morava pertinho de mim, numa vivenda veio para minha casa, e eu tratava dele, os meus irmãos apenas o visitavam, mas aí eu disse que era dificil ficar com meu pai, ele era forte e alto, eu não podia nem com uma perna dele, o mais novo me ofendeu dizendo, que não queria o pai no lar, que ele devia ficar em minha casa, , que ele não podia pq, andava a trabalhar com a mulher, e eu! tinha perdido meu trabalho por causa de meu pai, e não podia estar com ele, tinha medo de não o poder tratar, o mais velho dizia que não podia mas para eu ficar, o mais novo dizia que viria cá á noite, que me interessava a mim um pouco á noite, se eu teria que estar todo o dia e toda a noite, claro que pensei num bom lar, com todas as condições e visto por mim, mas passei muito amiga acredite.Meu pai quando fez dois mêses de coma faleceu.Eu o amava, tinha 76 anos,mas sofri com tudo.Amiga estou contando um pouco do meu martirio, e sabe compreendo muito bem o que está passando, tenho pessoas amigas que lhes aconteceu, por isso planos, faço para a filha para mim é o dia a dia, como para o meu marido, e mesmo assim tenho receio.Mas o que tiver que ser não podemos fugir,querida muita força, mas já vi que a tem, tanto interior como exterior que tenha sempre a clareza de levar tudo por diante, e um dia de cada vez...Beijinho e noite muito feliz.

Dauri Batisti disse...

Que coisa bonita você escreveu. Tão serena, sem drama, falando de dor, de sofrimento, como o som de uma gaita, no fim de um dia de sol, invadindo a noite que chega.

Beijo

Pelos caminhos da vida. disse...

Pouco tempo que te conheço já tinha percebido que vc era uma pessoa de muita luz,muito especial.

Amiga as vezes a vida vem e nos passa uma rasteira,poxa fiquei sem palavras agora,mas pode ter certeza estou contigo,vc é luz,forte,tem coisas que não devemos questionar senão enfraquecemos.
Um gde abraço para vc amiga.

beijooo.

ex-controlador de tráfego aéreo disse...

Oi Vivian!

Passeios são agradáveis quando podem ser feitos de corpo e alma. Por isso, não se preocupe. Você é muito bem-vinda quando puder e quiser.

Que sua vida ande no ritmo que você possa aguentar, sempre.

Um beijo com carinho, senhora!!!

"giacomo" disse...

Vivian,

Quero deixar-lhe uma manifestação de carinho, de simpatia, por aquilo que conta que aconteceu em sua vida -- claro que eu não sabia, não podia saber, que algo assim tinha acontecido, mas adivinhava algo por esse lado, minha experiência me mostrou que só os que sofrem sentem muita vontade tentar aliviar o sofrimento dos outros -- como você faz. Mesmo só falando, sinto que é isso que quer fazer, que faz.

***

As palavras de K. Gibran, a verdade de alguém está no que não é dito -- como são certeiras... A "verdade" de alguém pode ser intuída, não narrada...

Um abraço,

jorge

tossan disse...

Vivian, fiquei emocionado com as suas palavras, não porque também possa acontecer isto comigo mas, por vc minha amiga que aprendi a gostar, ter dito a todos os seus colegas de blog com valentia, força espiritual, elegância e serenidade. Sabe que o meu comunicador está a sua disposição Bjssssssssssss

Átila Siqueira. disse...

Sinto muito por seu esposo. De coração.

Mas encontro aqui outra vez palavras sabias, e agradeço por elas.

Um grande abraço,
Átila Siqueira.

Camila disse...

Oh querida, Deus lhe dê forças e abençõe sua família!
Quando der você nos visita... mas por favor, sempre arrume um tempinho para nos presentear com suas postagens, ok?!
Grande beijo

Olavo disse...

Eu sei bem o que é um tsunami invadindo nossa vida sem dó e piedade e nos limitando ao que vivemos sempre..

Nem acho necessario lhe desejar forças..pois vc é uma mulher cheia dela..e maravilhosa..

Beijos e fique bem.

TODO NOSSO disse...

Vivian querida, vc é maravilhosa,em nos mostrar sua vida e saber tirar proveito dessa tristeza, façam oraçoes de gratidao aos antepassados de seu marido,dos dois lados,q ele vai melhorar,peça a ele q perdoe alguma magoa,se ele nao tiver, q façam orações pedindo perdao e perdoando os erros dos antepassados, pois muitas vezes,magoas de antepassados, refletem no futuro e
muitos nao entendem pq ficam assim,acredite,ele tem cura!!
abçao e ótimo fds,mentalize ele saudável!!!

com carinho,
lane!!!

Giane disse...

Vivi...

A Vida é sábia e o Universo conhece o por quê das razões e motivações por trás de cada Alegria e lamento.

Como bem escreveu Richard Bach, "o que a lagarta chama de fim de mundo, o Mestre chama de borboleta".

Chegará o dia em que compreenderemos o por quê de nosso casulo.

Até lá vivamos de maneira a amar cada vez mais uns aos outros.

Gosto muito de você. Seu relato é mais um motivo para te querer mais bem ainda.


Beijos mil e fique bem!!!

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Oi, Vivi:
Como poderia eu não vir aqui? Depois deste seu post tão sincero, você ainda arrumou tempo para visitar-me e dizer que me ama!
Só posso retribuir-lhe dizendo, novamente, que a admiro muito e que também a amo.
Um beijo,
Renata

Iúna disse...

é verdade, me dei conta disso há muito tempo, qdo perdi meu avô que eu tanto amava.
espero que seu marido tenha energia para enxergar o plano de Deus em sua vida.

em azul disse...

Deixo um abraço... solidário...
em azul

Erick Júlian de Medeiros Feitoza disse...

fé meu doce, tenha sempre fé em sua vida, procure sempre uma paz de espírito, tenha certeza, que Deus cuida de ti...

Um anjo de fé que te rodeia fará de seu espírito paz...

Acredite em Deus.
Acreditem em você.
paz. um grande beijo :D

PreDatado disse...

E apesar de todas essas limitações a que vc está sujeita o In foco é um bom blog.
Bem haja e felicidades.

Lucí disse...

Olá amada..

Venho por que gosto de tuas reflexões.. Obrigada pela sinceridade..queria ter a tua coragem e dividir completamente..mas não consigo, um dia eu dividi e envolvi muitas pessoas nela que a cada momento que eu sumia..crianvam-se expectativas pela minha volta e minha melhora.

Hoje prefiro ser uma anonima, a sofrer pela frustração que envolvia um grande grupo :(...

Força e fé.

NOVO MUNDO disse...

e a vida minha amiga, agora você está bem isto que importa.
Um abraço e um bom fim de semana....seu blog é lindo.Adorei.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Vivi:
Fiz um post dedicado a você, mulher que tanto admiro.
Um beijo,
Renata

ematejoca disse...

Estou muito impressionada com o que li, Vivian.
Vou voltar mais tarde.

paula barros disse...

Oi, amor

Com relação a verdade de cada um concordo com Gibran e ainda digo mais cada um que nos vê, ver o que quer, se vê, por vez nos vez desfocado, ou nos ver melhor que nós mesmo nos vemos. Então essas "verdades" são difíceis de serem vistas.


Com relação ao seu marido sei como doenças e as que incapacita mexem com a dinâmica familiar e emocional de cada um.

Quanto a mim, fique tranquila, lhe aguardo sempre, como uma boa amiga. E amigos entendem as ausências, mas estão sempre presentes.

paz, luz, força, saúde...e muitos beijos.

Jac C. disse...

Pensamento intrigante este de Kahlil Gibran, hein!

No "Asas", .i.
http://abcdejac.blogspot.com

Bjs e bom fim de semana!

Sheila disse...

devido á estes fatos acredito que destino existe, merecendo ou não o que nos acontece não compreendemos a vida, ela é incoerente. O destino apenas não existe pra mim quando está relacionado à crimes, atos agressivos dos homens; no mais, sim, de fato creio que nossas vidas a maior parte do tempo não está em nossas mãos, me chamem de covarde ou acomodada, é a opinião que tenho hoje em dia. Beijos meu amore.

Juliana disse...

realmente a vida é uma dádiva, e pra mim, não há melhor motivo para ser feliz, do que o fato de estar vivo e com saúde, isso não tem preço!
Obrigada pela visita
gostei muito daqui
beijos

in natura disse...

Que desabafo! A vida não é fácil, e tem gente que reclama de qualquer besteira. Bjusss

GMV disse...

Vivian,

que grandeza, esta sua partilha. Também sei, infelizmente, o quanto uma situação dessas pode ser um tsunami nas nossas vidas...

O meu carinho solidário.

Beijo daqui.

Taís disse...

É, a vida às vezes leva a gente por uns caminhos que não iríamos se pudessemos escolher.
Eu bem estava precisando de um chacoalhão desses. Não por orgulho ou vaidade, mas pra que eu pense se eu estou dando valor às coisas que realmente merecem valor.
Será que eu estou passando o meu tempo com pessoas que realmente valem a pena? Será que eu estou vivendo a minha vida de modo a não me arrepender?
Muitas indagações vão pela minha cabeça e eu nem sei bem como expressá-las.
Mas é isso sim, de uma hora pra outra um tsunami pode invadir a vida da gente e eu não quero esperar por isso pra poder rever meus conceitos.
Conheço seu blog há pouco tempo, trazida pela Ju, lá do Pensamentos e Poesias. Mas neste pouco tempo já pude ver que vc é uma pessoa pra se admirar. Uma bela pessoa.
Obrigada por dividir isso com a gente e me "chacoalhar"rs.
Bjinhos

JOICE WORM disse...

É isso aí, Vi. Seu pensamento é mais que certo. Temos que viver sem arrogância nem vaidades. Minha mãe sempre me disse: "Cuidado com a soberbia, pois o que Deus dá, Deus tira". E sempre tive muito cuidado para não me envaidecer de nada que conseguisse na vida. Mas não me poupo de achar "bom demais" quando consigo dar a volta por cima das adversidades da vida e mostrar para quem não acreditava. Acho que é humano. No interím, sempre agradeço a Deus, até quando tomo banho com água quente. (risos).
Força, amiga. Tu agora passou a ser os dois pilares da casa.
Lembrei-me de uma história de uns amigos meus... O marido foi atropelado na porta de casa e perdeu a perna direita, e passado uns meses, ela também foi atropelada no mesmo lugar e perdeu a perna esquerda.. Parece incrível, mas os dois ainda riem até hoje quando contam a história.
A vida realmente nos ensina coisas e as pessoas ainda mais.
Beijos a ti e no teu querido marido, Vi.

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Vivi, depois de tudo o que você nos expôs aqui, de peito aberto e avaliando também a "Paz" que você sentiu no nosso post, só posso lhe dizer que existe, realmente, uma Força Maior que nos guia, mesmo nesses momentos de crise e, principalmente, neles.
Uma coisa é certa: se já sentia uma simpatia enorme por você, agora, passei a ADMIRÁ-LA com mais ardor!
SAÚDE E PAZ PARA SEU ESPOSO E MAIS ÂNIMO PARA VOCÊ!!!Bjsss

Átila Siqueira. disse...

Querida amiga, obrigado pelas palavras carinhosas lá no meu cantinho. Fico sempre muito feliz com a sua presença lá. Volte sempre.

Um grande abraço,
Átila Siqueira.

Daniel Savio disse...

Um texto simples e verdadeiro.

Sei que é ruim quando um membro da nossa familia sofre, pior é quunado ficamos com a sensação de impotência, mas nesses momentos, podemos contar com os nossos amigos (reais, ou virtuais) nos levantar a moral.

Nota que pode contar comigo, "senhorita" Vivi.

Fica com Deus, menina.
Um abraço.

direitinho disse...

Começo por agradecer a fraze:
= Escuta o que te dizem e principalmente o que não te dizem= Será uma máxima que nunca esquecerei pela sua verdade e oportunidade sempre actual.

Depois devo dizer-lhe que a vida é mesmo assim e quando pensamos que ainda temos tempo, nosso tempo já acabou e nada nos adianta querer fazer mais ou melhor.
Por isso eu estou vivendo este momento agora e não guardando para o dia de amanhã para dizer à minha mulher, aos meus filhos e aos meus amigos que os amo demais e que me desculpem por não saber fazer melhor.

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,