sexta-feira, 8 de maio de 2009

Coisas Pequenas!!

Acordo de noite subitamente, e o meu
relógio ocupa a noite toda.

Não sinto a Natureza lá fora.

O meu quarto é uma cousa escura
com paredes vagamente brancas.

Lá fora há um sossego como
se nada existisse.

Só o relógio prossegue o seu ruído.

E esta pequena cousa de engrenagens
que está em cima da minha mesa
abafa toda a existência
da terra e do céu…

Quase que me perco a pensar o que isto significa, mas
estaco, e sinto-me sorrir na noite com os cantos da
boca porque a única cousa que o meu relógio
simboliza ou significa enchendo com a sua
pequenez a noite enorme é a curiosa
sensação de encher a noite enorme
com a sua pequenez.

Alberto Caeiro
O Guardador de Rebanhos
07/05/1914


...você deixa coisas pequenas tomar
enormes espaços em sua mente?

pense...

20 comentários:

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Às vezes, transformo um pingo d´água numa cachoeira. Gostaria que isso estivesse acontecendo agora, pois eu, mais cedo ou mais tarde, cairia em mim e saberia que era apenas um pingo d´água. Mas uma coisa muito grande me está preenchendo a mente agora, e não consigo livrá-me disso sozinha. Queria ter esse poder, infelizmente não o tenho.
Beijos, Vivi,
Renata

stella disse...

Ciao adorata Viviana, amore!

Delirius disse...

Você é linda Vivi! Muahhhhhhhhhhh!

Bigada por seu comentário lá no meu cantinho! Amei! Ameeeeeeeeeeei!!

Às vezes deixamos sim, pequenas coisas tomarem proporções gigantes!

Já atingi um estatuto etário em que a apredizagem de vida me permite relevar muita coisa, bem assim como deixar que as pedrinhas e às vezes pedregulhos resvalem na couraça da minha indiferença... ;-)

Te abraço linda Vi!

Tata disse...

LÓGICO Vivi!!!!

Sou humana!
Todo mundo tem seu ponto de vista.Pensando bem, o tamanho das coisas depende do olho que as olha.A proporção de tamanho que as coisas tomam na vida da gente, é dada exatamente por nós.Haverá dias que veremos um copo com água pela metade descrito de formas diferentes, ás vezes, o veremos quase cheios, outras quase vazio, vai depender o estado de espírito do dia!!!!

bjinhos

mundo azul disse...

__________________________________

É... Muitas vezes damos importância demais às pequeninas coisas que deveriam passar despercebidas...

Grande texto do nosso querido FP!

Obrigada por compartilhar, amiga...


Beijos de luz e o meu carinho!!!

_________________________________

Gilbamar disse...

Ah, o valor das pequenas coisas!
Nem sempre notamos o quanto significam em nossa vida. Como a pequenez do relógio.

Poético abraço.

Professor João Luiz disse...

Oi lindaaaaaa Viviannnnn ue saudadeeeee, vc sempre nos presenteando com sabdoria e belas melodias, sou fã teu a temposssss e eternamene....
qualquer que seja o lugar e como ele seja o que faz belo as coisas sãoos nossos olhos o nosso coração e assim prosseguimos
bju

ah criei um blog aqui tb pra colocar as criações e meusalunos desse ano

praxispsique.blogspot.com

bjus

Claudia Goulart disse...

Depende do meu estado de espírito!
Quando não estou bem, creio menos e permito invasões.
bj

Isa disse...

Olha,Vivi,querida,para ñ sofrer e você já sabe como penso em tudo e em todos,aprendi a ñ dar valor a
pequenos problemas.
MAS...qualquer coisinha que me possa alegrar...ai dou um enorme valor.
Gosto de você,minha Amiga.
Beijo.
isa.

FRAN "O Samurai" disse...

Oi querida Vivian!

Já tive momentos como esse, em que no silêncio da noite apenas o tic-tac de meu relógio me desviava a atenção.

Mas de uns dias para cá, é uma outra coisa pequena que me chama a atenção e que me abre um sorriso imenso. Até virou mania minha, todas as noites antes de dormir, eu dou um beijo em minha aliança de compromisso como se eu quisesse dar um beijo de boa noite para minha amada que está longe (depois eu descobri que ela faz o mesmo, não é lindo? rs). Parece coisa de pessoa boba e apaixonada mas tem coisas tão pequenas e que nos trazem lembranças de momentos tão doces.

O que falar né?

Coisas pequenas tomam enormes espaços em minha mente sim, coisas boas e pequenas somente.

Beijos de seu pupilo.

FRAN "O Samurai" disse...

Obrigado pelo comentário em meu blog, fiquei sem jeito até, rs. Depois que li me encheu o olho d'agua, verdade, o samurai as vezes deixa de lado a postura e solta o emocional.

Mas fiquei um pouco sem jeito sim, não vou negar, é um momento em minha vida que me sinto muito feliz, feliz por ter encontrado alguém que vale a pena.

Beijos querida!

Avassaladora disse...

Vivian, ainda consigo colocar meus problemas para escanteio...
Se deixamos que pequenas coisas nos incomodem, deixamos de viver!

Tá muito lindo o seu blog!


Beijos mil!

Eduardo Miguel disse...

O bom de passar por um deserto talvez seja poder dar o devido valor a água, a sua significancia maior para a vida e sua continuidade o ver um problema não é problema se o que se percebe é a oportunidade maior de ver o real valor do bom, o escuro é a ausencia de luz...
Bjs e paz.

©tossan disse...

Mudei muito! Agora então...
Sabe Vivian, tive uma experiência na vida que me mostrou que não sou nada, sou frágil, sou um grão de areia...Já contei esta história em outro blog e resolvi repetir.

Num impulso pego o ônibus e saio de Santos a minha cidade e vou ver um amigo em Curitiba que não via a os 20 anos mais ou menos por aí. São 7 horas de viagem (não gostava de viajar de ônibus, só de avião)Passei o dia com ele, estava muito doente e casado, jovem ainda com um câncer terminal, não sabia a gravidade, eu com a minha experiência teatral do passado me fez ficar sem chorar...Ufa!
Gostei muito de estar com ele. Voltei para casa nem senti a viagem de volta...
Depois de uma semana recebo um e-mail da filha me avisando da sua partida...Penso que depois de 20 anos, fui visitar e me despedir do melhor amigo. Só pode ser algo superior a mim que me levou até lá. Fiquei na certeza, ele também me achava o seu melhor amigo sem me dizer isso! Você entendeu? Eu fui levado! Só não consigo me perdoar por ter ficado pouco tempo com ele.
Assim é a vida, estamos aqui para aprender com os aprendizes, quanto mais informações sobre tudo que obtivermos será útil depois. Beijo o seus textos me ensinam! Pequenês pra que? Beijo

Alexa disse...

ViVian
que belas e certas palavras as de Alberto Caeiro.
Já me deixei disso agora depois dos 40 interesso-me mais pelas coisas lindas que se passam no dia à dia e que as vezes teimamos em não ver.
Beijão

Efigênia Coutinho disse...

Vim agradecer sua elegancia em visitar meu espaço e deixar uma mensagem,muito obrigada, e seu recanto é primoroso, serei uma seguidora, com admiração,
Escritora,
Efigênia Coutinho

Solange Maia disse...

Adoro vir aqui...
Sempre um espaço iluminado, sempre qualidade, sempre toca minha alma Vivian...
Você é especial....
Obrigada...

Solange

http://eucaliptosnajanela.blogspot.com

Maria Dias disse...

Sim dou valor as pequenas coisas...Sou dos detalhes.Mas não dizem q os melhores perfumes estão nos menores frascos?rs...

Vivian querida tenho um presente pra vc q é mulher,filha,mãe e avó.Passe no Bem me quer e leve com vc o meu carinho.

Beijinhos

Maria

Daniel Savio disse...

As vezes, temoar tempo até demais...

Fique com Deus, menina Vivian.
Um abraço.

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,