terça-feira, 22 de novembro de 2011

Pobre Verdade!!

Um dia, a Verdade andava visitando os homens.

Seguia sem roupas e sem adornos, tão nua
como o seu nome, todos que a viam
viravam-lhe as costas de vergonha
ou de medo e ninguém lhe dava
as boas vindas.

Assim, a Verdade percorria os confins
da Terra, rejeitada e desprezada.

Uma tarde, muito desconsolada e triste,
encontrou a Parábola, que passeava
alegremente, num traje belo
e muito colorido.

- Verdade, por que estás tão abatida? - perguntou a Parábola.

- Porque devo ser muito feia já que
os homens me evitam tanto!

- Que disparate! - riu a Parábola

- Não é por isso que os homens te evitam.

Toma, veste algumas das minhas
roupas e vê o que acontece.

Então a Verdade colocou algumas das lindas
vestes da Parábola e daí em diante,
por toda à parte onde passa é
muito bem-vinda;

Pois os homens não gostam de encarar
a Verdade nua, eles a preferem
disfarçada.


Um Conto Judáico

16 comentários:

Cleo Borges disse...

Nossa Vi! estou exatamente hoje passando por alguma turbulencia por causa da VERDADE. E è bem verdade que muitas vezes preciso vestir a verdade com alguma vestimenta cujos nomes podem variar...
Grande beijo Vi.

myra disse...

adorei!!!!!!!!!!!! e a foto tbem é linda, beijos minha linda Vivian

Marcia disse...

Vivi Fadinha ,lindo conto,vc acerto na imagem ficou lindo o teu post bjos!!

Um brasileiro disse...

Oi. Muito legal e lindo. Gostei. Apareça por la. Abraços.

Alê disse...

Maravilhosa!

Particularmente, arrepiei!

Multiolhares disse...

bem verdade,é que ela doi
bjs

Maria Teresa Fheliz Benedito disse...

Oi Vivi!
É!
Realmente tem pessoas que tem dificuldade com a verdade, pois eu a prefiro nua e crua,pode até doer algumas verdades,mas passa.
Lindo conto,linda foto,lindo momento da verdade.
Beijos no coração.

Ana Martins disse...

Vivian, boa noite!
Um conto judaico carregado de verdade, gostei muito!

Beijinho,
Ana Martins

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite minha linda !
Que imagem mais criativa,deu vida as escritas...que se tornou num conto lindo...
Bjs

EDER RIBEIRO disse...

Não só a verdade, mas tb outros valores se perderam, para min, devido a base primordial não mais existir: a família. Bjos alma linda.

Pelos caminhos da vida. disse...

Excelente...

Saudades daqui e de vc.

beijooo.

sandrinha disse...

Iupiii!!!e a Mamis noel chegou!rsrs!pensa que é só a Maria Fernanda que este ano de mamis é?
Tá linduxa né?imagine o que faço com ela aqui...aí tadinha da pentelhinha 2!

Amiga!já assanhando todo mundo por aqui...vamos entrando no clima do natal!vamos nos preparando para vivermos um verdadeiro natal!aquele que cristo gostaria que vivêssemos..um natal de AMOR!

Que bom seria se fosse natal todo dia né?

Já estou enfeitando a árvore do meu coração!

Beijinhos!das dias mamis noel vui?rsrs!

piedadevieira disse...

Muito lindo e é a pura verdade.
beijos

Mimirabolante disse...

Caramba!!!!!!Bacana!!!!

Pensador disse...

Que belo conto. E como é verdadeiro!
Beijos, Vivian!

mfc disse...

A verdade?!
A verdade não existe...
Existe apenas aquilo em que acreditamos!