quarta-feira, 21 de abril de 2010

Amor ou dependência?


Por quê flores nos jarros,
se podemos admirá-las
nos jardins?

...hoje presenciei uma cena de ciúme
grotesca, e assim, me coloquei a pensar
no que move as pessoas serem donas
umas da outras, como se isso
fosse possível.

o que nos dá o direito de cercear, dominar
a vida do outro, mesmo que este outro
seja nosso par?

a isso podemos chamar de amor,
ou dependência?

pense nisso...

16 comentários:

paula barros disse...

Eu sou ciumenta.

Mas me espanta cenas de ciúme. E se são cenas de ciúme causadas e/ou assistidas pelo virtual ainda me deixa mais espantada.

abraço

Daniel Savio disse...

Ciumes aliado a sensação de não ter a posse do que amamos, ou melhor ainda, por não entendermos porque amamos realmente...

Fique com Deus, menina Vivian.
Um abraço.

Sonia Schmorantz disse...

Acho que o ciúme é uma faca sempre apontada, com razão ou sem razão...
beijos

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

É a tal coisa do *Entre nós*
Entre nós o amor se aprende, não prende, entre nós não há termos de compromisso, há compromisso de nos termos*
Como entre nós, Vivi*****************
É isso aí! Amei****************
Beijos, querida!
Muito obrigada pela força dada!
Boa Noite e tome cuidado, por favor.

C@urosa disse...

Olá minha querida amiga Vivian, a relação afetiva tem que ser construída com confiança, respeito e harmonia, o ciúme, quando existe, só traz desarmonia. As flores são vivas e lindas nos jardins...para o deleite das almas felizes e amorosas.

paz e harmonia em sua vida,

forte abraço

C@urosa

Déia disse...

Tão complicado, né?

Ciume nunca é bom, posse menos ainda! mas como controlar esses sentimentos? Como conseguir confiar, respeitar sem sofrer?

Um bj

Franzé Oliveira disse...

Brigado por sua sempre prazerosa visita. Entende o silêncio. Beijos cheios de admiração.

Maria Dias disse...

"Quem ama liberta..." Triste os dependentes deste amor doente.

Beijinhos

Maria Dias disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nanda Assis disse...

.......................
............,|)......I\ EU
............/|)......|)\ ESTAVA
.........../.|)......|).\ NAVEGANDO
........../..|)......|)...\ E DEI UMA
........./...|)......|)....\ PASSADINHA
......../....|).......|).....\ POR
......./...,-- ---_...|.......\ AQUI PARA TE VER !!!
....'\==-,,;,,;,,;,,,,,,,-==;7~.~.~.~.~.~
...~.\__....__...__.....__/~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~

Baila sem peso disse...

A flor é bela no seio da Terra
porquê privá-la da liberdade
colocando em jarra que a encerra
deixando-a perecer fora da sua verdade?
O mesmo com o ser humano
que nasceu livre e sentindo ciúme
passa a ficar acorrentado...
se se ama e se é amado
a liberdade trás ainda mais significado
tal como a flor...sente mais amor!
o ciúme é um estado de alma
que magoa quem o sente
e a quem o dá em feio presente! :)

Vim dar um beijo e agradecer
a visita em meu canto no dizer!

Ilaine disse...

Ciúme é doença.
Vivi, quanto às flores... Ah, eu adoro fazer buquês.Mas é verdade.Melhor deixá-las no jardm.

Abraço

Bia Maia disse...

Chamo isto de DOENÇA, de DEPENDÊNCIA e certamente quem vive asim, está fadado ao FRACASSO>

O AMOR só existe se for LIVRE!!!!

E vamos então termos mais AMOR PRÓPRIO...que tal??

beijinho e linda quinta-feira!

Bia

Hod disse...

O Escritor Frances Marcel Proust dizia que " Muitas Vezes o ciúme não passa de uma necessidade inquieta de tirania apçicada às coisas do amor!!!

Forte abraço querida amiga,

Alôha,

Hod.

Mai disse...

Não há explicação para os extremos de possessão e controle disfarçados de ciúme e paixão.
Tantas vidas são ceifadas nas mãos do descontrole...

Não sou ciumenta em doses insalubres e mantenho-me vigilante para não me contaminar com este vírus.

Beijos, Vivi.

Liza Leal disse...

Lendo mais uma sábia reflexão tua, enqto ouço "Everybody hurts" (coisa linda!),me faz pensar:

"Esse tipo de poder... De ter ou ser do outro, não se encontra nos punhos de nossas vontades, tampouco em ver o q amamos sob os nossos pés. A aliança maior, acredito eu, acontece naturalmente c/a mesma força q há no nascer e pôr do sol, do mesmo modo que adormecemos e acreditamos q virá um novo dia".
(Liza Leal)

bj